A sogra

Dona Maria, já com seus 70 e muitos anos, possuía um genro generoso, que todos os dias ia a um bar, a uns 4 quilômetros, aproximadamente, buscar um masso de cigarro. Um dia, a velha veio a falecer. O genro generoso, para despedida, colocou no caixão uns 20 pacotes do citado cigarro. Quando chegou um amigo e o alertou, perguntando:

_ Você realmente gostava mesmo de sua sogra? E ele respodeu que a adorava. O amigo lhe perguntou:

_ Já que você disse que gosta dela, eu acredito, vendo que você até mandou cigarros. E por que não manda também umas caixas de fósforo? E o genro respondeu:

_ Liga não, amigo, porque para onde ela vai existe muito fogo.

A sogra
Compartilhe

Mais Piadas de Bêbados

Bêbado no Mc Donald's

O bêbado chega no McDonald's e pede: — Me vê aí um sanduíche de mortadela! — Não temos, meu senhor — responde o atendente, todo educado, de olho no prêmio de funcionário exe [...]

Compartilhe

Ir Para o Inferno

O bêbado entra no ônibus lotado, se espreme daqui, se espreme dali, vai se esgueirando até mais a frente. Na primeira freada brusca, ele cai por cima de uma beata que, irritada, pr [...]

Compartilhe

Primeiros Anos de Casamento

Um bêbado reclamava para o outro, desolado: — Nos primeiros anos do meu casamento, eu beliscava as empregadinhas lá de casa, namorava secretárias, cantava recepcionistas, mexia com [...]

Compartilhe

Caravana para o céu

Templo lotado, o pastor ordena:- Quem deseja ir para o céu levante a mão!Todo mundo levanta, menos o bêbado, sentado lá no fundo.O padre:- O senhor aí atrás! Não q [...]

Compartilhe